Central de Atendimento

62 3086-0060

O mercado de imóveis de alto padrão exige um corretor “completo” para ter sucesso nas negociações. Especialistas ouvidos pelo G1 apontam características imprescindíveis a este profissional e alertam sobre algumas que consideram inadequadas.

“É fundamental ter um bom conjunto. Se não tiver boa apresentação, conhecimento de economia, do mercado de alto padrão, não vai fazer sucesso. O mercado de alto padrão é limitado, tem que ser um bom profissional e estar associado a uma marca boa”, resume o empresário e corretor Ademir Silva.

Silva, que também é conselheiro do Conselho Regional de Corretores de Imóveis de Goiás (Creci-GO), ressalta que sempre há uma demanda por estabelecimentos de alto padrão no estado.

“É um mercado estável. Em Goiás temos ótimos profissionais para este público, mas há espaço para novos corretores de alto padrão”, apontou.

Diretor comercial de uma incorporadora em Goiânia, Marcos Henrique Alvares Santos afirma que pesquisas do primeiro trimestre de 2017 apontaram que os clientes estão mais convictos em fechar negócios. Por isso, os profissionais precisam estar capacitados para aproveitarem as oportunidades.

Veja as dicas dos especialistas em imóveis de alto padrão:

  • Conheça o produto

A presidente do Sindicato dos Corretores de Imóveis no Estado de Goiás, Lucimar Alves Elis, destaca que é preciso conhecer bem o produto antes de ofertá-lo. Também é necessário verificar a documentação.

“É preciso entender o que está vendendo, conhecer o produto, saber os diferenciais desse produto porque tem muita coisa embutida, muito mais a oferecer do que está anunciado. É super importante automação, por exemplo. O que leva a definir a compra é aquilo que o produto oferece”, opina.

  • Seja honesto

Santos destaca que, em momento nenhum, se deve mentir para o cliente, desde o preço a características do imóvel. A honestidade é fundamental para uma relação de confiança.

“Não gere expectativa por um preço que não existe só para captar o cliente. Não fale características ou benefícios que não existem. É preciso ser franco”, ressalta o diretor comercial.

  • Conheça o cliente

De acordo com Santos, o corretor precisa saber se o cliente tem interesse em um produto e na região em que o empreendimento está localizado antes de oferecê-lo. Para isso, são necessários certos questionamentos.

“Você identifica a necessidade do cliente fazendo perguntas que devem contemplar a rotina, onde ele trabalha, se tem filhos, qual a idade, onde estudam. Assim, o corretor consegue mapear e entender fatores que preocupam o cliente. Mudar de apartamento significa mudar para uma vida melhor”, explicou.

  • Entenda o tempo de decisão do cliente

O diretor comercial ressalta que a decisão de compra é complexa, principalmente quando se trata de um imóvel de alto padrão, pois o processo é mais lento do que nas demais negociações. Por isso, é preciso respeitar o tempo do comprador.

“A compra envolve aceitação da família toda. O corretor, muitas vezes, é ansioso. Se ficar pressionando, e o cliente não estiver pronto, ele pode não concluir o negócio. É preciso que o profissional haja no sentido de esclarecer dúvidas e pontos do cliente para fechar o negócio”, opina.

  • Tenha domínio de matemática financeira

O profissional precisa ter um bom conhecimento de economia. Além disso, é fundamental compreender como são as finanças do cliente.

“Se você tem esse conhecimento, consegue fazer uma proposta melhor ajustada ao fluxo de caixa do cliente. Se o corretor faz uma proposta padrão, muitas vezes ela não atende à forma que o cliente recebe, e ele pode ficar inseguro. Os fazendeiros, muitas vezes, tem renda anual”, aponta Santos.

  • Tenha boa apresentação

Silva aponta que é preciso transmitir confiança e conhecimento de mercado aos consumidores. Além disso, as roupas não devem ser extravagantes ou esportivas demais, pois o foco é o produto.

“Você tem que ter um bom carro, não ser tímido, tem que estar aparentemente bem, ter uma verba para almoçar com o cliente, para levar uma caixa de bombom, são mimos para manter viva a relação comercial com o cliente”, opina o empresário.

Cursos


O Sindicato dos Corretores de Imóveis no Estado de Goiás também promove cursos para corretores. As aulas abordam desde documentação imobiliária a matemática financeira. Os detalhes estão disponíveis no site do sindicato.

Quer saber mais notícias de todo o estado? Acesse o G1 Goiás.

Corretor precisa entender os desejos dos clientes (Foto: Paula Resende/ G1)Corretor precisa entender os desejos dos clientes (Foto: Paula Resende/ G1)

Corretor precisa entender os desejos dos clientes (Foto: Paula Resende/ G1)

Fonte: http://g1.globo.com/goias/mercado-imobiliario/noticia/confira-dicas-para-se-tornar-um-corretor-de-imoveis-de-alto-padrao.ghtml